William Mendonça
POESIA, PROSA, MÚSICA E TEATRO
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Prêmios Livro de Visitas Contato Links
Textos
CINCO HAICAIS PERDIDOS

Continuo perdido
nas florestas do meu medo
– não conheço as trilhas.

Eco reprimido
da voz da infância, sou vento
que caminha em círculos.

Perdi, num instante,
a sabedoria amarga
de tudo – e cresci ...

Conto essas mentiras
porque o poeta já fingia
quando li Pessoa.

Magros pastos tomam
pelas mãos essas crianças
– gado sem destino.


(Esses haicais foram publicados no jornal “A voz de Marambaia”, de Itaboraí, na edição nº 55, de fevereiro de 2001. Não entraram no livro de haicais VISTA ZEN, de William Mendonça, mas voltaram à vida quando o autor decidiu reorganizar o arquivo de publicações das quais participou e os encontrou.)


William Mendonça
Enviado por William Mendonça em 07/10/2011
Alterado em 08/10/2011
Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários
Efuturo: Selo Escritor